12/03/19 - 16:31

Aneel define reajuste de 11,45% para clientes residenciais atendidos pela Light

Reajuste entra em vigor a partir de sexta-feira.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) acaba de aprovar o reajuste de 11,45% na tarifa dos clientes residenciais da Light. A definição aconteceu durante a 7ª Reunião Pública Ordinária da Diretoria da Aneel e entra em vigor a partir de 15/3, próxima sexta-feira.

A partir dessa data, os clientes residenciais atendidos na baixa tensão (B1), perceberão um aumento de 11,45%, enquanto que os demais clientes da baixa tensão (comerciais – B3, Iluminação Pública – B4 e os que vivem em áreas rurais – B2) perceberão aumento de 11,60%, 11,53% e 21,09%, respectivamente. Já para os clientes abastecidos em alta tensão (grandes indústrias, por exemplo), os percentuais médios irão variar entre 7,23%% e 12,33%[1]. A tabela a seguir resume o impacto por subgrupo tarifário.

Até 14 de março, dia anterior ao reajuste, os clientes serão cobrados pela tarifa antiga, que será reajustada a partir do dia seguinte. Tendo como exemplo, em uma conta de energia com medição de consumo até 20 de março, o consumidor observará que, até o dia 14/3, o valor a pagar será correspondente ao da tarifa anterior e, nos 6 dias seguintes, à nova.

Importante lembrar que a tarifa divulgada hoje pela Aneel não incorpora o adicional associado ao Sistema de Bandeiras Tarifárias, instituído na conta de energia pelo Governo Federal para custear a geração do país, e nem a Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip), administrada pela Prefeitura do Rio de Janeiro por meio da RioLuz.

0 comentários