21/02/18 - 15:42

Rio de Janeiro

Moisés é apresentado oficialmente pelo Botafogo

Diretoria alvinegra corre contra o tempo para contratar mais dois reforços

Foto: Vitor Silva / SSPress / Botafogo

O lateral-esquerdo Moisés foi apresentado oficialmente pelo Botafogo nesta quarta-feira (21). O jogador mal chegou ao Alvinegro e já foi relacionado para a partida desta quinta-feira (22), às 19h30, contra o Nova Iguaçu, no Estádio Giulitte Coutinho, pela primeira rodada da Taça Rio. Moisés já pensa em estrear, embora ainda falte ser regularizado. O seu nome tem até o fim do dia para ser publicado no Bira da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), sem pendências. Moisés afirma que a apresentação oficial é dentro de campo.

– Tenho poder defensivo bom, chego com força no ataque, tenho uma concentração muito alta. Para o torcedor que não me conhece não adianta ficar falando aqui, podem ficar tranquilos que vão me conhecer lá dentro de campo. Não adianta ficar falando “Bala Juquinha”.

Moisés elogiou Valentim e falou sobre a boa recepção que teve ao chegar no Botafogo.

– Tenho amigos em comum que jogaram no Palmeiras com ele, João Pedro lateral-direito. Perguntei para ele, falou muito bem dele, professor muito sincero, cobra muito, e o nome dele em São Paulo é muito bem falado. Quero agradecer ao vice-presidente. É uma honra vestir essa camisa, estou muito feliz. Fui muito bem recebido pela diretoria e grupo. Estou pronto, à disposição do professor. Vinha treinando normalmente.

A expectativa do lateral é a melhor possível. Moisés afirma que irá buscar seu espaço na equipe. Apesar de não atuar desde agosto do ano passado, o jogador vinha treinando regularmente no Corinthians e se coloca à disposição de Valentim.

– Chego com bastante ritmo de treino. Ano passado não tive sequência de jogos por opção do treinador. Em todo esse tempo na reserva do Arana vinha me dedicando, esperando oportunidade. Já passou, venho com muita sede de mostrar potencial. Venho para jogar, buscar meu espaço, mas respeitando meus companheiros.

O jogador comentou sobre o time e a pressão que vem sendo enorme por causa da eliminação precoce na Copa do Brasil.

– Assisti à estreia do Carioca, se não me engano contra a Portuguesa. Tirei algumas informações. O Emerson Sheik também me falou muito bem do clube, que vou me dar bem aqui. Não conheço muito do time, mas do grupo fui muito bem recebido. A eliminação da Copa do Brasil passou, não falamos mais nisso. Tem pressão, momento nosso não é muito bom. Temos que recuperar os pontos perdidos o mais rápido possível no Carioca e começar bem o Brasileiro.

Durante a apresentação de Moisés, o vice-presidente de futebol do Botafogo, Gustavo Noronha, explicou que o clube vem procurando nomes há algum tempo e um deles foi o do lateral. O novo técnico, Alberto Valentim, não apresentou nenhuma lista de reforços para a diretoria, mas fez algumas indicações.

– Não encerramos ainda. Temos mais duas negociações em andamento. A gente tem uma captação do setor de inteligência do Botafogo, que analisa competições e traz valores que nós buscamos. Fizemos o caminho inverso, apresentamos os nomes para o Alberto e pedimos a opinião dele, como ele enxergava essas possibilidades. A primeira foi sobre o Moisés, ele se debruçou na contratação e ficou muito satisfeito com a vinda dele. Valentim fez uma ou outra sugestão, mas não uma lista de reforços

 Já a vinda de Aguirre e Rony foram descartadas. O atacante uruguaio que pertence a Udinese, da Itália, declarou amores pelo clube e a diretoria Alvinegra correu atrás para contratá-lo. Porém o alto investimento e o risco de demorar a jogar, pela recente cirurgia no joelho, fizeram o negócio esfriar. Rony, por sua vez, não conseguiu a liberação do Albirex Niigata, do Japão.
0 comentários