13/03/18 - 18:01

Rio de Janeiro

Fluminense vira réu de cobrança judicial por não repassar percentual da venda de Gerson

Gerson foi negociado para a Roma por 16 milhões de euros

Por: Sérgio Guimarães

Se no campo as coisas têm sido muito bem resolvidas pelo técnico Abel Braga e comissão técnica, fora dele, juridicamente, o Fluminense,  terá que resolver um problema envolvendo o ex jogador do clube, o meia Gerson, que foi negociado para a Roma da Itália, na gestão do ex-presidente Peter Siemsen.

O Fluminense virou réu de uma cobrança judicial por não repassar a um investidor percentual da venda do jogador para a Roma. No total, a empresa MPISàr.I. com sede em Luxemburgo, cobra R$ 4,9 milhões de reais do tricolor

A história é a seguinte:

Foto: Fox Sports

Após a negociação do meia feita na gestão do ex-presidente Peter Siemsen, o tricolor acertou que que repassaria os 12,5% comprados pelo grupo europeu, em quatro parcelas, sendo que três parcelas estão vencidas, o que elevou a dívida por conta de multa e juros, em R$ 570 mil reais.

O Fluminense antecipou a quantia da Roma, e não repassou a parte de quem tinha direito.

Peter Siemsen, negociou Gerson para a Roma.  por 16 milhões de euros, cerca de 160 milhões de reais.

A Empresa que cobra o valor não repassado pelo Fluminense, entrou na justiça no dia 16 de fevereiro deste ano. O Fluminense ainda não foi notificado pois a parte autora não pagou todas as taxas judiciais. O clube promete se posicionar quando for oficialmente citado.

0 comentários