09/08/18 - 09:02

Rio de Janeiro

Otávio Coelho, garoto que fez camisa do Vasco de papel, ganha homenagem na escola

Além disso, o uniforme feito pelo jovem torcedor será exposto em um futuro museu do Cruz-Maltino

Por: Jéssica Duarte

Foto: Arquivo pessoal

“Enquanto houver um coração infantil, o Vasco será imortal”. Esse é o lema do Vasco da Gama, e o pequeno torcedor, Otávio Coelho, faz jus a ele. A fama do jovem Vascaíno começou nas redes sociais, quando a imagem dele vestindo uma camisa feita com cola e papel viralizou na internet. A foto publicada pelo seu irmão, Matheus Coelho, de 18 anos, chamou a atenção dos torcedores do Cruz-Maltino e logo chegou ao clube carioca. Na vitória do Vasco sobre o Grêmio, em São Januário, o menino esteve presente e conheceu os bastidores do clube, os jogadores e entrou em campo com o ídolo Martín Silva.

A volta às aulas de Otávio foi de um jeito diferente. Os professores da escola onde o torcedor estuda, em Paulistana, interior do Piauí, organizaram uma surpresa. O jovem menino, de apenas 10 anos, participou de uma coletiva e respondeu as perguntas dos colegas de sala. A sua chegada ficou marcada pela música “Sonhar”, do MC Gui. Além disso, a escola montou um palco para Otávio. A bandeira do Vasco foi colocada ao lado das fotos do jovem torcedor em São Januário. A camisa do Cruz-Maltino, com a assinatura dos jogadores vascaínos, ganhada na ida ao Rio de Janeiro, também foi exposta.

Foto: Arquivo Pessoal

E acha que acabou? Que nada! O Vasco preparou uma grande homenagem para Otávio. A ilustre camisa feita pelo pequeno torcedor já está emoldurada. A ideia do Cruz-Maltino é expor a peça no futuro museu do clube. Confira a imagem abaixo: 

Foto: Divulgação

A frase “Enquanto houver um coração infantil, o Vasco será imortal”, que é lema do clube, nunca fez tanto sentido na vida. Que histórias como a do Otávio sejam sempre lembradas pelos clubes.

0 comentários