11/01/19 - 10:10

Operação Sala Vip: Polícia Civil e MPRJ cumprem mandados em Petrópolis

Buscas acontecem em endereços de vereadores, empresários e na sede da Câmara Municipal de Petrópolis

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O Ministério Público do Rio (MPRJ) e a Polícia Civil realizam nesta sexta-feira (11) a Operação Sala VIP, para desarticular um esquema de distribuição de propina comandado por vereadores de Petrópolis, na Região Serrana.

O objetivo é cumprir 12 mandados de busca e apreensão em endereços de vereadores, empresários e na sede da Câmara Municipal de Petrópolis. Os denunciados são o ex-vereador Marcos Luiz Bernardes Souza; e os vereadores Paulo Igor da Silva Carelli; Ronaldo Luiz de Azevedo Carvalho; Luiz Antônio Pereira Aguiar; Reinaldo Meirelles da Sá e Wanderley Braga Taboada.

A ação é um desdobramento da Operação Caminho do Ouro, que prendeu Paulo Igor e o vereador Luiz Eduardo Francisco da Silva, além de apreender R$155 mil na casa de Paulo Igor. Esse dinheiro seria entregue aos vereadores como pagamento de propina. Na ocasião também foram encontrados R$239 mil na casa do empresário Wilson da Costa Ritto Filho, favorecido por uma licitação fraudulenta na Câmara Municipal de Petrópolis.

0 comentários