13/12/18 - 10:35

PF realiza 5ª fase da Operação Registro Espúrio

Ação compre 14 mandados de prisão em Anápolis, Brasília, Goiânia e Londrina

A Polícia Federal realiza nesta quinta-feira (13), a 5ª fase da Operação Registro Espúrio, que investiga desvios de valores da Conta Especial Emprego e Salário (CEES), por meio de pedidos fraudulentos de restituição de contribuição sindical.

O Supremo Tribunal Federal (STF) expediu 14 mandados de prisão, que serão cumpridos em Anápolis, Brasília, Goiânia e Londrina. De acordo com as investigações, a organização criminosa desviou mais de R$12 milhões do CEES.

Para isso, eles convocaram o Consultor Jurídico do Ministério do Trabalho, que teve o afastamento determinado pelo STF, e efetivou a nomeação de um membro da quadrilha para ocupar o cargo de Superintendente Regional do Trabalho no Distrito Federal, com o objetivo de deferir os pedidos de restituição formulados por entidades ligadas ao bando.

Os investigados vão responder pelos crimes de peculato, corrupção passiva, corrupção ativa, falsificação de documento público e lavagem de dinheiro.

0 comentários