23/02/19 - 11:00

Polícia prende integrantes de milícia que atua na Zona Oeste

Chamada de “Liga da Justiça”, o grupo é comandado pelo criminoso Ecko

Agentes da Delegacia de Repressão e Combate às Ações Criminosas (Draco) prenderam nesta sexta-feira (22) dois integrantes da milícia comandada por Wellington da Silva Braga, o Ecko. Carlos Geovane Brito de Oliveira e Marco Andre de Jesus Orta. Os criminosos foram presos em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, uma das regiões controladas pela quadrilha.

Carlos Geovane Brito de Oliveira, responsável por guardar o armamento da milícia. Foto: Divulgação/Polícia Civil

Marco André que é ex-policial e desde então atuava no grupo para-militar, foi preso em flagrante. Ele fazia uma cobrança a comerciantes quando foi abordado. Na ação foram encontradas duas pistolas, um revólver com numeração raspada, um fuzil com munições, uma arma de choque, fardas e coletes balísticos.

Os integrantes da “Liga da Justiça”, grupo comandado pro Ecko, são acusados de extorquir os moradores e comerciantes com taxas abusivas. Além disso, monopolizam o comércio de gás, internet e TV a cabo. A quadrilha também é acusada de tortura e assassinato.

0 comentários