16/05/18 - 16:04

Namorada de adolescente assassinada conta que bandidos podem ter reconhecido a vítima

De acordo com a mãe de Soraia, a menina costumava ir de moto ou de ônibus para a escola e no dia do crime, a adolescente optou por ir andando

Nicole Cespe da Silva, namorada de Soraia Macedo Lemos, assassinada na noite desta terça-feira (15), com um tiro na cabeça, esteve no Instituto Médico Legal (IML) por volta de 12h desta quarta-feira (16). A jovem acompanhava a mãe da vítima, Cristiane Barbosa, para realizar o reconhecimento do corpo da adolescente. Segundo ela, o criminoso teria decidido atirar contra Soraia, ao perceber que talvez conhecesse a menina.

Ao narrar o ocorrido, Nicole contou que os assaltantes se aproximaram em uma moto, anunciando o assalto, um deles com a arma apontada para ambas as vítimas. Os bandidos deram ordem para que as jovens entregassem todos os pertences. Um dos criminosos se dirigiu a Soraia e exigiu que a adolescente entregasse o celular, o assaltante não esperou e puxou o aparelho da mão da vítima. Ao identificar o modelo do celular, um Iphone, o criminoso teria desistido de levar o mesmo, por conta da facilidade de rastreamento. Nicole afirmou que o homem pediu então, que ela entregasse o seu celular, que estava no bolso. Logo após, a ação o criminoso atirou contra Soraia.

Soraia foi assassinada na noite desta terça-feira (16). Foto: Reprodução Facebook

A mãe da menina, Cristiane Barbosa, utilizou o Facebook para compartilhar uma publicação onde desabafa sobre o sentimento de perder uma filha. Na postagem, ela afirma que a adolescente tinha um futuro brilhante pela frente e que ainda não acreditava na situação. Ela conta que não esperava que a fatalidade pudesse acontecer na família. Segundo Cristiane, Soraia costumava ir de moto ou de ônibus para a escola e no dia do crime, a menina optou por ir andando.

Postagem teve mais de 2 mil curtidas e 495 compartilhamentos. Foto: Reprodução

0 comentários