14/03/18 - 14:34

Penitenciária de Benfica irá passar por mudanças na gestão

Após denúncias sobre a existência de suítes para visita íntimas na prisão, funcionários vem sendo exonerados

A administração da Cadeia Publica José Frederico Marques, em Benfica, Zona Norte do Rio, será alvo intervenções após denúncias sobre a existência de um “motel” nas dependências da unidade. A prisão está sendo investigada pela Corregedoria da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), o órgão irá intensificar a fiscalização na penitenciária.

Quatro suítes foram descobertas em investigação do MPE. Foto: Divulgação MPE-Rj

No dia 8 de março, um dia após a divulgação das suítes utilizadas para visitas íntimas irregulares, 17 funcionários foram exonerados de seus cargos. De acordo com o Ministério Publico do Estado (MPE), no setor onde as quatro suítes foram encontradas, ficam os presos da Operação Lava Jato, com nível superior ou os que deixaram de pagar a pensão alimentícia. Os quartos eram decorados com paredes coloridas, cama de casal e luzes vermelhas. Além disso, as suítes eram equipadas com televisão e piso de porcelanato. O banheiro tinha um chuveiro com uma cortina de plástico.

Suítes eram equipadas com luzes vermelhas. Foto: Divulgação MPE-RJ

O Secretário de Estado de Administração Penitenciária, David Anthony Gonçalves Alves ressaltou o trabalho que está sendo feito. “Cheguei num momento de intervenção, e choque de gestão e o diretor que foi nomeado agora, tem autoridade para montar a sua equipe. Novas nomeações ocorrerão e, mesmo os que assumiram recentemente terão cobrados os resultados e o controle das atividades. Se não forem considerados satisfatórios, poderão ser substituídos também”, disse.

0 comentários