12/12/17 - 11:10

Projeto Rio+Seguro reforça a segurança em bairros da Zona Sul

Nesse período, a polícia realizou operações no local

Projeto Rio+Seguro. Foto: O Globo.

O projeto Rio+Seguro, implantado há uma semana nos bairros de Copacabana e Leme, Zona Sul do Rio, já começam a dar resultados na segurança dos locais. O objetivo é reforçar a ordem urbana e a segurança na região.

Desde o dia 3 de dezembro, agentes da Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) e da Polícia Militar (PMERJ), atuam em conjunto 24h por dia no patrulhamento das ruas. O projeto associa planejamento, inteligência, tecnologia e integração entre os órgãos municipais com as forças de Segurança do Estado.

Nesse período, entre as ações da Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização (CLF), houve uma operação exclusiva para fiscalizar pontos de venda de produtos como cola e tíner, com 28 estabelecimentos fiscalizados e 25 locais multados.

A Coordenadoria de Gestão dos Espaços Urbanos (Cgeu) fiscalizou 265 ambulantes, dos quais 90 não possuíam autorização para trabalhar, com 31 infrações registradas. A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH) realizou 369 abordagens a moradores de rua, dentre eles, 21 adultos aceitaram o acolhimento e três menores foram encaminhados ao Conselho Tutelar.

Já a Comlurb retirou 41 toneladas de lixo, fez lavagem hidráulica com carros-pipa utilizando 82 mil litros de água de reuso e podou 110 árvores.

0 comentários