19/04/18 - 09:30

Disque Denúncia já tem mais de 100 ligações sobre caso de Marielle

Raul Jungmann, afirmou que a principal linha investigativa envolve a atuação de milícias

Foto: Reprodução Web

O Disque Denúncia já recebeu mais de cem ligações, nesta quinta-feira (19), sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. O caso completou um mês no último sábado (14).

Mesmo com poucas informações da polícia e nenhum apontado como autor ou mandante do crime, na última segunda-feira (16), o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que a principal linha investigativa envolve a atuação de milícias.

Jungmann argumenta que, casos como as mortes do servente de pedreiro Amarildo de Souza, em 2013, e da juíza Patrícia Accioli, em 2011, levaram mais de um mês para serem resolvidos. Questionado sobre uma possível participação de vereadores, Jungmann respondeu: “Não saberia dizer, mas acho que não podemos descartar nada”.

0 comentários