30/07/18 - 16:29

Rio de Janeiro

Árbitro de vídeo estreia nas Quartas de Final da Copa do Brasil

Destaque fica para clássico nacional entre Flamengo e Grêmio, quarta-feira (01), em Porto Alegre

Por Beto Jr

FOTO: MARCOS PAULO REBELO/CBF

Os jogos desta semana pelas Quartas de Final da Copa do Brasil 2018 terão o recurso do vídeo como auxílio às decisões da arbitragem. Após meses de preparação, cursos e testes realizados pela CBF, o VAR (da sigla em Inglês para Video Assistant Referee) será colocado à disposição nos confrontos de ida e volta entre Grêmio x Flamengo, Corinthians x Chapecoense, Santos x Cruzeiro e Bahia x Palmeiras. O criador do projeto, o ex-árbitro Manoel Serapião, explicou um dos pontos mais polêmicos: A manipulação e a geração das imagens.

A CBF também disponibilizará o VAR nos outros seis jogos das fases seguintes da Copa do Brasil: quatro nas Semifinais e dois nas Finais. No total, a competição contará com essa tecnologia em 14 duelos.

Confira a escala completa dos primeiros árbitros de vídeo do futebol brasileiro:

SANTOS X CRUZEIRO (Quarta-feira, 19h30 – Vila Belmiro)
Campo:

Árbitro: Wilton Sampaio
Assistente 1: Fabricio Vilarinho
Assistente 2: Bruno Raphael Pires
Vídeo:

VAR: Bráulio Machado
Assistente: Helton Nunes
Apoio: Marcelo de Lima Henrique

GRÊMIO X FLAMENGO (Quarta-feira, 21h45 – Arena do Grêmio)
Campo:

Árbitro: Raphael Claus
Assistente 1: Emerson Augusto de Carvalho
Assistente 2: Marcelo Van Gasse
Vídeo:

VAR: Rafael Traci
Assistente: Alex Ang Ribeiro
Apoio: Luiz Flavio de Oliveira

CORINTHIANS X CHAPECOENSE (Quarta-feira, 21h45 – Arena Corinthians)
Campo:

Árbitro: Wagner dos Santos Magalhães
Assistente 1: Rodrigo Figueiredo Henrique
Assistente 2: Alessandro Matos

Vídeo:

VAR: Pericles Bassols
Assistente: Bruno Boschilia
Apoio: Dewson Freitas

BAHIA X PALMEIRAS (Quinta-feira, 19h15 – Fonte Nova)
Campo:

Árbitro: Anderson Daronco
Assistente 1: Guilherme Dias Camilo
Assistente 2: Kleber Lucio Gil
Vídeo:

VAR: Leandro Vuaden
Assistente: Ivan Bom
Apoio: Rodolfo Toschi

Fonte: CBF.com.br

0 comentários