22/07/16 - 20:39

Durante Rio 2016, Bota e Flu podem ficar longe de novas casas

A partir do dia 5 de agosto, abertura dos jogos olímpicos, o Grupamento Especial de Policiamento em Estádios não fará mais a segurança das partidas dos times de futebol, a força será exclusiva para a Rio 2016. Sem a segurança organizada pelo GEPE, Botafogo e Fluminense novamente ficam sem ter como jogar no estado do Rio, logo após reformarem o estádio Luso-brasileiro, agora Arena Botafogo, e o Giulite Coutinho, respectivamente.
O presidente do Alvinegro, Carlos Eduardo Pereira, rejeita a hipótese de jogar longe do Rio nesse período. Segundo ele, já foi pedido à CBF para que os jogos do time durante o período olípico sejam adiados ou adiantados. As partidas em questão serão contra Grêmio, dia 7, e Sport,  20.
"O Botafogo está também na expectativa de um maior detalhamento sobre essa posição do comando da polícia militar e aguardando também uma decisão da CBF sobre os jogos. O Botafogo tem a partida contra o Palmerias marcada para o dia primeiro depois Grêmio e Sport, do Recife. Portanto, estamos enssa expectativa. Fizemos um investimento bastante significativo para a Arena Botafogo e, sem dúvida alguma, a nossa expectativa é que os jogos que não puderem ser antecipados, sejam adiados para que o Botafogo possa exercer seu mando de campo na plenitude jogando junto à sua torcida. Com certeza não temos nenhum interesse em atuar fora do estado do Rio de Janeiro, mas vamos aguardar uma posição da CBF, que é a organizadora do torneio", afirmou o presidente.
Já no Fluminense, o assunto não será falado enquanto não for comunidado oficialmente. Mas, apesar de a assessoria de imprensa negar, clube pode mandar jogos em Cariacica e Brasília.
0 comentários