01/02/16 - 09:09

Eduardo Baptista: “Só nos resta dar a volta por cima”

O técnico Eduardo Baptista não procurou desculpas após a derrota para o Volta Redonda por 3 a 1, no Raulino de Oliveira, na estreia do Fluminense no Campeonato Carioca. O treinador assumiu que o time foi muito mal, sobretudo no primeiro tempo, mas afirmou que a equipe não pode ficar se lamentando e precisa focar já no próximo confronto.
"Nosso primeiro tempo foi ruim, apático. As coisas não saíram. Faltou agressividade, aparecer para jogar e acabamos levando os gols. No segundo tempo voltamos melhor, criando, em cima. Infelizmente tivemos a expulsão, mas continuamos tentando. Na avaliação geral, foi muito ruim. Só nos resta dar a volta por cima, trabalhar, ver o que deu errado e tentar consertar para quarta-feira", disse o treinador, completando a análise em seguida:
"Nós brigamos, encontramos uma defesa forte na bola parada. Tivemos umas chances de gols, mas não convertemos. Tivemos esse domínio e temos de converter em gols, sendo com bola parada ou rolando. Precisamos corrigir isso."
Eduardo Baptista não apontou o estreante Henrique, que falhou no primeiro gol adversário e acabou expulso, como único culpado pelo resultado negativo. O treinador atribuiu a derrota ao conjunto.
"Ele não falhou no primeiro gol. Ele foi para frente. Foi uma falha de todo o time. Quando um homem de defesa vai à frente, alguém tem que fazer a cobertura. A estreia dele aconteceu no dia em que o Fluminense foi muito ruim no primeiro tempo. Não podemos fazer nenhuma avaliação. A equipe não foi bem. Não podemos jogar a culpa em um jogador. Ele falhou dentro da área adversária, mas tem quase 100 metros até o nosso gol. Foi uma falha coletiva e temos que acertar isso. Então, é difícil fazer uma avaliação de um jogador como o Henrique em uma partida em que o time foi muito mal."
O Fluminense volta a campo nesta quarta-feira (3), contra o Bonsucesso, às 19h30, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.
0 comentários