10/06/16 - 18:42

Emocionado, Fred se pronuncia sobre saída e minimiza problema com técnico: “Levir não é o motivo”

Na tarde desta sexta-feira (10), a saída de Fred do Fluminense foi oficializada. O centroavante foi inscrito no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF já como jogador do Atlético-MG. No Salão Nobre de Laranjeiras, o craque deu uma entrevista coletiva junto do presidente tricolor Peter Siemsen para falar da transferência, carreira e futuro. 
Segundo Fred, o desentendimento que teve com o técnico Levir Culpi não foi o pivô da sua ida para o Galo. O jogador, durante o pronunciamento, chegou a se emocionar quando falou sobre a reação da torcida do Flu à notícia que surpreendeu a todos na quarta-feira (8). 
”Já me acertei com o Levir. Falei isso na época, fui claro. Pensei que era algo político para a minha saída e vi que não teve nada disso. Ele não teve peso algum nisso. Graças a Deus tive tempo de pedir desculpas ao Levir, à família dele, ao grupo. Reconheci meu erro. Tivemos uma conversa franca”, afirmou o camisa 9. 
Perguntado sobre o motivo da saída, se era por conta de dinheiro, Fred não foi claro e disse apenas que "não estava dando mais". Peter Siemsen confirmou que o salário recebido pelo atacante não era problema e que, inclusive, será usado para fortalecer o elenco.
”Não tem a ver com dinheiro nisso. Estou saindo porque não estava dando para ficar. Comecei a sentir que não estava ficando fácil, simples as coisas. Não comigo. Eu estava bem, podia sentar no meu contrato de mais dois anos e ficar tranquilo. Mas não é meu perfil. Se o problema fosse dinheiro, tive outra proposta milionária há dois meses. O melhor mundo para o todos seria eu ir pra China. Mas não é dinheiro a questão. Vou ser pai em breve outra vez e não quero ficar longe. Queria ficar, encerrar minha carreira, mas infelizmente não deu”, explicou.
O ex-capitão tricolor já deve estrear com as cores alvinegras no domingo (12) contra o Cruzeiro, clube que Fred sempre se declarou torcedor. E, se marcar um gol, como sempre fez em estreias, prometeu comemorar. 
"Vou comemorar contra o Cruzeiro. Meu único pensamento hoje é conquistar a massa atleticana, demonstrar para aos poucos que a relação pelo Cruzeiro continua de respeito. Mas com a camisa do Galo vou fazer de tudo para fazer gols e espero que já seja domingo. Vou dar a vida para fazer gols, até no Flu", declarou o novo companheiro de Robinho no Atlético-MG.

0 comentários