27/03/18 - 13:50

Rio de Janeiro

Fabrício substituirá novamente Henrique e garante: “Vou ter mais uma chance e estou preparado para fazer um grande jogo”

Lateral afirmou que punição contra o Rildo é injusta

Por: Jéssica Duarte

Foto: Paulo Fernandes / Vasco

Henrique foi desfalque do Vasco na semifinal da Taça Rio, contra o Botafogo. Fabrício é o substituto imediato do lateral. O jogador concedeu entrevista coletiva após o treino desta terça-feira (27) e afirmou estar bem fisicamente e preparado para a partida contra o Fluminense, pela semifinal do Campeonato Carioca na próxima quinta-feira (29).

– Vim para buscar meu espaço. Quando cheguei o time já estava formado, e agora vou ter minhas chances. Estou bem fisicamente. Ritmo e confiança são tudo. Estava treinando para ter essa oportunidade. Vou ter mais uma chance e estou preparado para fazer um grande jogo.

Fabrício comentou sobre a partida contra o Tricolor e a importância do título para a equipe Vascaína.

– Jogar com três zagueiros é o melhor para todos laterais. Não tem a preocupação de marcar o tempo inteiro, batemos lateral com lateral. Treinamos duas formações, vamos ver qual a opção do Zé. Mostramos que não sabemos jogar com a vantagem do empate nas nossas mãos. Temos que sempre buscar os gols. A importância é colocar a faixa, erguer troféu. Só não é importante para quem não ganha. Se Deus quiser vamos passar e chegar na final. E depois ainda tem o Cruzeiro pela Libertadores. É isso, futebol brasileiro é assim, de alto nível. O Abel é experiente. Foi meu treinador já, e gosta de jogar com linha alta. Tem uma equipe bem montada com os três zagueiros e laterais avançando muito. Sabemos a maneira de jogar.

O técnico Zé Ricardo poderá ter alguns desfalques para a partida. Paulinho e Evander estão se recuperando de problemas musculares e lesões. Ambos não treinaram com bola novamente nesta terça-feira (27). O treino de quarta será decisivo para os dois. Fabrício acredita que ambos terão condições de jogo e elogiou Henrique.

– Henrique sentiu. Os meninos estão na ativa. Vamos ver se o professor vai colocar eles. Henrique é um dos melhores do time nesse início de ano.

Fabrício comentou sobre a punição a Rildo.

– Acho que vai ser a primeira vez. O Rido não é agressivo. Ninguém quer machucar um amigo. Joguei com João Paulo e passei o número para o Rildo quando pediu no nosso grupo. Foi uma dividida, é injusto ficar esse tempo inteiro (até 180 dias). O próprio João Paulo não vai querer que o Rildo fique parado tanto tempo. Já vimos casos piores com punição mínima.

0 comentários