21/04/18 - 21:03

Rio de Janeiro

Flamengo vence o América-MG por 2 a 0 e conquista a primeira vitória no Campeonato Brasileiro

Em noite de despedida, goleiro Júlio César tem papel fundamental no Maracanã

Por: Jéssica Duarte

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Maracanã cheio, noite especial. Além da volta de Ederson aos relacionados após superar um câncer, Júlio César se despediu do clube do seu coração: O Flamengo. E com pé direito, o Rubro-Negro venceu o América Mineiro por 2 a 0 e conquistou a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Após uma semana tensa na Gávea, o torcedor do Flamengo pode ter um descanso e comemorar um bom resultado. Os gols do Rubro-Negro foram marcados por Henrique Dourado, o artilheiro da equipe.

No primeiro tempo o Flamengo começou pressionando, mas esbarrou na falta de criatividade e estava sendo refém das bolas aéreas. O América Mineiro equilibrava o jogo, mas acabou dando espaços para o jovem Vinicius Junior aproveitar as melhores chances. O Rubro-Negro começou a ter mais força na partida. Com três minutos, Lucas Paquetá teve uma ótima chance de cabeça, mas mandou à direita de Jori. Aos 11 minutos, Cuéllar arriscou de longe e mandou para fora.

O América-MG começou a responder, chegando bem pela direita, mas a zaga Rubro-Negra se antecipou para cortar. Aos 22 minutos, Carlinhos soltou uma bomba, no meio do gol, mas Júlio César defendeu. Então foi a vez de Henrique Dourado ter sua chance e aproveitar da forma que ele gosta: Ceifando! Aos 28 minutos, Vinicius Junior fez um bom cruzamento para Dourado, que só teve o trabalho de colocar a bola no fundo das redes e abrir o placar no Maracanã. No lance seguinte, penalidade máxima marcada para o clube carioca. Henrique Dourado, com muita classe, ampliou a vantagem Rubro-Negra no Rio de Janeiro. América Mineiro respondeu com um lindo chute de Aylon, de longe, mas a bola bateu no travessão, assustando Júlio César.

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

No segundo tempo o Flamengo voltou todo recuado, sem conseguir assustar o goleiro do América Mineiro e dando muito espaço para o adversário chegar na área. Logo aos sete minutos, Rafael Moura cabeceou bem, mas Júlio César fez uma ótima defesa. No lance seguinte, Serginho chuta forte, mas a bola vai para fora. O Rubro-Negro respondeu com Réver, mas a finalização não foi precisa e a bola foi para fora. No lance seguinte, só dava o clube mineiro. Juninho chuta bem e com vontade, mas não acertou o gol. Em uma segunda etapa atípica, o Flamengo não conseguia articular as jogadas e finalizava mal.

Aos 21, Aylon fez uma boa jogada, chutou forte, mas a bola subiu demais. O Flamengo teve sua melhor chance com Lucas Paquetá, mas o goleiro defendeu. E se a noite era importante para Júlio César, ele então teria que brilhar. Após fazer boas defesas no primeiro tempo, o goleiro fez milagres no Maracanã na segunda etapa. Aos 40 minutos, Serginho chutou de fora da área, e o goleiro veterano caiu muito bem para fazer a defesa. No lance seguinte, ele de novo. Juninho cabeceou e obrigou o goleiro rubro-negro a fazer uma nova ótima defesa, dando adeus ao seu time do coração de uma forma muito positiva.

Quem narrou esta partida foi Jota Santiago. Confira: 

0 comentários