21/11/18 - 19:32

Rio de Janeiro

Igor Rabello comenta sobre possível vaga na Libertadores: “Sonhar é possível sempre”

Zagueiro fala sobre ausência de Joel Carli e projeta partida contra o Santos

Por: Jéssica Duarte

Foto: Luciano Belford/SSPress/Botafogo

SONHAR É POSSÍVEL. Essa é a frase que o torcedor do Botafogo e os jogadores estão apegados nos últimos dias. Após se recuperar no Campeonato Brasileiro, conquistando quatro vitórias consecutivas e se afastando da zona do rebaixamento, o alvinegro carioca sonha com uma possível vaga na Libertadores. Para o zagueiro Igor Rabello é preciso ter calma e os pés no chão. Em entrevista coletiva no Nilton Santos, o defensor comentou sobre a possibilidade da classificação.

– A gente estava em situação difícil, conseguimos sair. Sonhar é possível sempre, focar jogo a jogo, mesmo ganhando as três partidas ainda fica difícil (Libertadores), depende de outros resultados, mas Sul-Americana é um objetivo que queremos alcançar também.

Pensando em jogo após jogo, Igor Rabello projetou a partida contra o Santos nesta quarta-feira (21), na Vila Belmiro, e comentou sobre o artilheiro do Brasileirão, Gabigol.

– Sabemos da qualidade do Santos, Gabigol, Rodrygo… Estão um ponto atrás da gente, estamos indo bem focados. Joguei com Gabigol na seleção sub-20, sei o estilo dele, gosta de buscar jogo, infiltra nas costas do zagueiro. Eu o conheço bem, espero sair vencedor.  Isso acontece com toda equipe no campeonato, passa por fase complicada, mas sabemos da qualidade do Santos, temos que entrar focados para sair com bom resultado. Sobre parar o Gabigol, deixa comigo que resolvo lá na hora (risos).

Joel Carli vai desfalcar a equipe carioca no jogo desta quarta-feira. O zagueiro se lesionou na última partida contra o Internacional. Igor Rabello comentou sobre a ausência do defensor.

– Ele está com bastante dor, saiu todo baleado do jogo, com corte na cabeça, ombro… Mas isso faz parte do futebol, espero que ele se recupere o mais rápido possível para ajudar a gente. A gente está bastante entrosado, cara muito experiente, está sempre orientando o time, buscando falar com o árbitro, é nosso capitão. Perdemos na experiência dele, mas temos o Marcelo e Yago, que estão trabalhando forte todos os dias.

O Botafogo encara o Santos nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, às 21h, pelo Campeonato Brasileiro. 

0 comentários