23/08/18 - 15:20

Rio de Janeiro

Marcelo Oliveira quer que o Fluminense fique na parte de cima da tabela

Comandante tricolor exaltou a vitória diante do Corinthians e lembrou que a equipe está há três jogos sem sofrer gols

Por: Matheus Emanuel

Foto: Lucas Merçon – Fluminense F.C

O Fluminense derrotou o Corinthians na noite da última quarta-feira (22), no Maracanã. A vitória por 1 a 0 fez com que o tricolor carioca encerrasse o jejum de quatro jogos sem triunfos. O técnico da equipe, Marcelo Oliveira, exaltou a atuação do time das Laranjeiras, mesmo tendo obstáculos, por conta do desgaste de alguns jogadores. Marcelo projetou um segundo turno vitorioso, com o clube na briga por uma posição na parte de cima da tabela.

-É até difícil analisar a sequência. Todo jogo no Campeonato Brasileiro traz muita dificuldade. O calendário é apertado, os jogadores às vezes precisam de descanso. Hoje tive de fazer substituições mais por parte médica e física do que por questões táticas. Essa vitória mostra que o Flu pode fazer mais no segundo turno. A organização do time me deixou satisfeito. Vamos disputar 54 pontos no returno, o caminho é longo. Com essa determinação, espírito, podemos chegar mais na parte de cima – disse Marcelo.

Marcelo lembrou que o time do Corinthians é um time organizado e que o Fluminense fez por merecer o resultado, mesmo com a equipe paulista tendo ficado com um jogador a menos após a expulsão de Romero, ainda no primeiro tempo. O comandante tricolor minimizou a sequência negativa de quatros jogos sem vitórias nas partidas anteriores e declarou que o time das Laranjeiras sempre joga para vencer.

– Nessa sequência de quatro jogos sem vencer, tivemos dois empates. Sempre jogamos para vencer, pontuar. Acho que hoje foi um jogo difícil e muito importante, fundamental para esse novo momento. Aproveitar a virada do turno para criarmos um desafio diferente. Ganhamos de uma grande equipe, com muita dificuldade e um bom desempenho, 15 finalizações contra quatro do adversário. Tiveram dificuldades com a expulsão, mas é um time bem armado, de boa técnica. Poderíamos ter matado o jogo, escolhemos a pior jogada nos contra-ataques, Cássio fez boas defesas – concluiu.

0 comentários