20/11/18 - 21:30

Rio de Janeiro

Membros da Flusócio têm números de telefones vazados e sofrem ameaças de morte

Grupo político que apoia o presidente Pedro Abad pretende levar caso à polícia

Por: Sérgio Guimarães

Foto: Reprodução/Globo.com

Integrantes da Flusócio, grupo político que comanda o Fluminense e apoia a gestão do presidente Pedro Abad, tiveram os seus números de celulares vazados nas redes sociais e receberam ameaças de morte e sequestro por telefone. As pessoas pretendem denunciar os casos à polícia na esperança de que os responsáveis por essas ameaças sejam identificados e investigados.

A insatisfação dos torcedores com o time ficou mais acirrada depois do empate da última segunda-feira no Maracanã, com o Ceará, inclusive, muros da sede do clube nas Laranjeiras foram pichados.

Os torcedores também cobraram dos jogadores mais empenho e comprometimento com o time que tem 42 pontos e precisa somar mais 2 ou 3 pontos para fugir do rebaixamento. Os jogos que restam ao tricolor são: Bahia, Inter e América(MG).

0 comentários