25/06/18 - 17:14

Rússia

Portugal empata com o Irã e vai pegar o Uruguai nas oitavas de final

Jogo foi marcado pela atuação do árbitro de vídeo e pelo final emocionante

Por: Matheus Emanuel

Foto: REUTERS/Ricardo Moraes

Um empate de tirar o fôlego! Assim podemos definir o jogo entre Portugal e Irã na tarde dessa segunda-feira (25), em partida válida pela terceira rodada do Grupo B, em Saransk. Quaresma fez o belo gol da seleção portuguesa, Ansarifard empatou para o Irã, em pênalti marcado pelo árbitro de vídeo. A partida ainda teve outra penalidade, que foi desperdiçada por Cristiano Ronaldo na segunda etapa. O Irã está eliminado da Copa do Mundo e Portugal irá encarar o Uruguai nas oitavas de final.

As seleções fizeram um primeiro tempo bastante intenso, porém, sem tantas chances de gol. A seleção iraniana foi fiel as suas características e executou uma marcação consistente e segura durante boa parte do jogo. Portugal teve a posse de bola, mas não criou muitas oportunidades. Aos dois minutos, João Mário deu a bola para Cristiano Ronaldo, que dominou, se equilibrou e bateu, mas Beiranvand defendeu com segurança. A seleção portuguesa chegou novamente com William Carvalho, que levantou na área, o goleiro Beiranvand dividiu com próprio companheiro, e João Mário mandou por cima após falha do sistema defensivo iraniano.

O Irã respondeu aos 22, quando Azmoun deu belo passe rasteiro, mas o goleiro português chegou antes de Jahanbakhsh para evitar lance perigoso. Jahanbakhsh levantou bola na área, Ezatolahi tocou de cabeça, mas bola foi exatamente no centro do gol, o que facilitou a vida de Rui Patrício. Quaresma fez o facão da direita para o meio, tabelou com Adrien Silva e meteu de trivela na gaveta, um dos gols mais bonitos de toda a Copa do Mundo até aqui.

O segundo tempo começou com bastante polêmica. Cristiano Ronaldo caiu na área e pediu pênalti, no primeiro momento, o árbitro Enrique Cáceres mandou seguir. Entretanto, o VAR entrou em ação e o juiz acabou voltando atrás para assinalar a penalidade. Na cobrança, Beiranvand defendeu o pênalti cobrado por Cristiano Ronaldo, que evitou o quinto gol dele na Copa. A penalidade perdida por Cristiano Ronaldo animou a seleção iraniana, Ghoddos dominou e bateu da meia-lua, mas a bola foi para fora.

O VAR interferiu na partida em outros dois momentos. no primeiro, Cristiano Ronaldo se enroscou com o jogador iraniano e o árbitro de vídeo foi solicitado para avaliar uma possível expulsão, porém, o juiz entendeu que a falta foi apenas para amarelo. Na terceira atuação do VAR, Azmoun cabeceou bola na mão de Cédric dentro da área portuguesa e o pênalti foi assinalado com a ajuda da tecnologia. Ansarifard cobrou com imensa categoria, na gaveta, e empatou o jogo. No lance seguinte, Irã quase fez o que parecia inimaginável. Taremi teve a chance da virada na área, mas mandou na rede pelo lado de fora. O gol eliminaria a seleção portuguesa da Copa do Mundo.

0 comentários