30/07/18 - 09:28

Alerj irá realizar audiência após mortes por procedimentos estéticos

Reunião contará com a presença de representantes da área de medicina estética, de empresas que comercializam silicone industrial, da Anvisa e do Inmetro

O autor da lei que proíbe a comercialização de próteses de silicone no Rio, o deputado Dionísio Lins (PP), vai pedir à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) para realizar uma audiência pública que contará com a presença de representantes da área de medicina estética, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, representantes de empresas de comercializam a compra e venda de silicone industrial, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

O objetivo da reunião é debater a melhor forma de evitar que esses produtos comprados ilegalmente sejam vendidos sem distinção, a realização de procedimentos por pessoas não qualificadas e a criação de um grupo de fiscalização e combate, que tenha o intuito de agir com maior rigidez, prevenindo a comercialização desses produtos.

0 comentários