15/08/16 - 11:25

Apesar dos problemas diretor do COI considera Olimpíada um sucesso

A primeira Olimpíada realizada na América do Sul já pode ser considerada um sucesso.  O diretor-executivo do Comitê Olímpico Internacional (COI), Christophe Dubi, afirma estar satisfeito com o que viu, apesar de algumas reclamações do público. 

“Podemos dizer que os brasileiros e cariocas entregaram o que prometeram. Eles prometeram instalações fantásticas e as temos. Disseram que entregariam infraestrutura para cidade, antes dos jogos, e foi exatamente o que fizeram", ressalta.

As belas projeções, luzes e as famosas músicas brasileiras agradaram os espectadores do mundo inteiro que, no dia 5 de agosto, voltaram seus olhos para o estádio do Maracanã, palco da cerimônia de abertura da 31º Olímpiada da Era Moderna, no Rio de Janeiro. 

Logo na primeira semana os Jogos Olímpicos já ficou marcado por momentos emocionantes, tanto para os cariocas quanto para os turistas. Após os elogios à organização do evento, principalmente à cerimônia de abertura, vieram as reclamações quanto à estrutura das arenas e em alguns aspectos da segurança. E com a fama de cidade violenta o Rio de Janeiro evidenciou episódios de sustos e tragédias.

Bala perdida no centro de Hipismo, pedradas em um ônibus que levava jornalistas e a morte de um policial da Força Nacional, após a viatura que ele dirigia entrar por engano em uma favela da cidade foram alguns dos casos que repercutiram na imprensa.

Apesar dos problemas, um dos pontos positivos para os Jogos Olímpicos Rio-2016 foram a tolerância e o respeito à diversidade.  A causa LGBT ganhou destaque com um pedido de casamento da atleta de rugby Isadora Cerullo para sua namorada, Marjorie Enya. 

Supervisão: Rafael Cassimiro 

0 comentários