08/08/16 - 11:33

Boxeador da Namíbia é preso acusado de tentativa de estupro

A Justiça do Rio de Janeiro decretou hoje, dia 8, a prisão preventiva do boxeador namíbio Jonas Junias, de 22 anos. Ele é acusado de tentar estuprar uma camareira na Vila Olímpica, neste domingo. 
O boxeador teria agarrado pelas costas e beijado à força a funcionária da Vila. Ele ainda teria oferecido dinheiro à vítima para que fizesse sexo com ele. Junias foi preso por policiais da Delegacia de Polícia Civil do Recreio (42ª DP) e levado, no início da tarde de hoje, para o Complexo de Gericinó de Bangu, na Zona Oeste da cidade. 
Com a prisão, o boxeador que compete na categoria até 64 quilos, tem sua luta suspendida contra o francês Hassan Amzile, nesta quinta-feira. E, segundo a Confederação Brasileira de Boxe, é necessário que um advogado entre com o pedido de Habeas Corpus para que o atleta não perca a Olimpíada.
Este é o segundo caso de tentativa de estupro dentro da Vila Olímpica. Na semana passada, os policiais prenderam o boxeador marroquino Hassan Saada, também suspeito de tentar estuprar duas camareiras.

Supervisão: Rafael Cassimiro

0 comentários