07/06/16 - 17:42

Campanha conscientiza cariocas sobre não alimentar pombos

A Vigilância Sanitária lançou nesta terça-feira a campanha “Criptococose: Não seja cúmplice”, com o objetivo de conscientizar os cariocas sobre os riscos de alimentar e abrigar os pombos na cidade. Fatores que facilitam a aglomeração das aves.

Entre outras doenças, a superpopulação de pombos pode causar a criptococose que ataca vias respiratórias, através da inalação de fezes ressecadas. Além de transmitir doenças, os animais mancham fachadas, monumentos, contaminam água e alimentos, além de atrair roedores e insetos onde há aglomeração da espécie.

O objetivo não é maltratar os animais, mas a Prefeitura orienta que os cariocas tomem medidas como inclinar superfícies de pouso, aplicar graxa em marquises, bloquear espaços de grande aglomeração da espécie e a maior delas: não alimentar os animais. Desta forma, os pombos migrarão para a natureza, equilibrando a superpopulação.

Por Kleber Pizão – Supervisão Rafael Cassimiro
0 comentários