25/05/16 - 10:01

Governo negocia criação de segurança privada no Centro do Rio

Depois de implementar o Segurança Presente, modelo de policiamento feito em parceria com a iniciativa privada no Aterro do Flamengo, na Lagoa e no Méier, o governo do estado pretende adotar a partir do dia 1º de julho, a estratégia no Centro da cidade, que ganhará reforço diário de 522 PMs da reserva e jovens que acabaram de deixar as Forças Armadas, após cumprir o serviço obrigatório. Responsável pelo projeto dentro do governo, o secretário estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, Paulo Melo, garante, que a parceria foi firmada e que só faltaria assinar o contrato com a Fecomércio-RJ.

0 comentários