04/11/18 - 10:50

Incêndio no Hospital Lourenço Jorge mata três pessoas

Conselho de Medicina realeza inspeção no local para avaliar os danos

Idosos em estado gravíssimo, que estavam internados no Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, não resistiram a transferência realizada após o incêndio que atingiu a unidade. As chamas começaram na Coordenação de Emergência Regional (CER).Os três óbitos foram divulgada pelo prefeito Marcelo Crivella. Segundo ele, nenhum paciente foi afetado pelas chamas, mas sim, no transporte para outro hospital.

Bombeiros chegando à unidade . Foto: Reprodução/Centro de Operações

As chamas começaram por volta das 15h30 da tarde, durante o horário de visitas. Às 19h30 homens do Corpo de Bombeiros ainda atuavam no local fazendo o trabalho de rescaldo. De acordo com a prefeitura, o fogo teria começado no segundo andar, onde funciona um laboratório e uma área de descanso. Crivella afirmou que toda a parte atingida pelo incêndio será refeita.

Ainda não há informações sobre as causas das chamas. Contudo, funcionários da unidade acreditam na possibilidade de um curto circuito. A hipótese de incêndio criminoso foi descartada pelos bombeiros. De acordo com a nota oficial da Secretaria Municipal de Saúde, todos os 54 pacientes que estavam na unidade foram relocados para redes municipais e estaduais.

O presidente do Conselho Regional do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj), Sylvio Provenzano, afirmou que uma equipe foi deslocada para fazer uma avaliação do local. Segundo ele, a associação elogiou todas as medidas de emergência tomadas.

0 comentários