03/11/18 - 13:48

Rio de Janeiro

Irmã de Marielle Franco desabafa nas redes sociais após novas denúncias

Mensagem foi escrita após investigações sobre uma organização criminosa que estaria impedindo a elucidação do crime

A irmã da vereadora Marielle Franco usou sua rede social para fazer um desabafo na noite desta sexta-feira (2), um dia após a Polícia Federal anunciar que apura a suposta existência de uma organização criminosa que estaria impedindo a elucidação do caso.

Foto: Reprodução

“Hoje, metade de mim é amor. E a outra metade é saudade. Mas lá no fundo da saudade, há dor e a certeza, de que quando tudo isso passar, e eu conseguir tirar a minha família dessa situação, eu lembrarei de cada fdp(não tenho outra definição-perdão o palavrão) que usou o nome dela em vão, que cresceu em cima do túmulo dela, que dizia estar aqui pra toda e qq situação, mas virou as costas, a cara, o corpo inteiro pra gente! Mas tudo bem, um dia de cada vez, e acreditem, espiritualmente falando, todos serão cobrados! É o q me acalma! Minha família hoje é só dor. Hoje eu sou só dor, hoje eu tô arrasada com o que o ser humano virou. Quem foi o fdp (desculpa) que mandou matar e matou minha irmã?”, escreveu Anielle Franco.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, anunciou  na última quinta-feira (1) que a Polícia Federal abriu uma investigação a fim de descobrir se houve proteção ilegal a criminosos por parte da Polícia Civil do Rio de Janeiro. Em nota, o Ministério da Segurança Pública anunciou ainda que “a medida não configura a federalização das investigações dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e de Anderson Gomes, que continuam a cargo das autoridades policiais estaduais.”

Relatos não descartam que a organização criminosa pode vir a contar com a participação de policiais, milicianos e até integrantes do jogo do bicho no Rio de Janeiro.

0 comentários