05/12/18 - 09:44

Justiça pode rejeitar pedido de suspensão de Moro no caso Lula

Julgamento do habeas corpus foi suspenso após pedido de vista do ministro Gilmar Mendes

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A subprocuradora-geral da República, Cláudia Sampaio, defendeu nesta terça-feira (4), na 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), a rejeição do habeas corpus que aponta suspeição do ex-juiz Sérgio Moro para julgar os processos relativos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Entre os argumentos apresentados pela defesa está a aceitação do ex-juiz para integrar o governo do presidente eleito Jair Bolsonaro como ministro da Justiça. O julgamento do Habeas Corpus foi suspenso após pedido de vista do ministro Gilmar Mendes. O relator do caso, ministro Edson Fachin, e a ministra Carmén Lúcia seguiram o entendimento da Procuradoria-Geral da República e votaram pelo não conhecimento do habeas corpus.

Sobre Moro aceitar o cargo de ministro do novo governo, Cláudia Sampaio destacou que esse é um fato posterior ao julgamento da ação penal e que não teve qualquer influência na decisão.

 

0 comentários