01/09/18 - 10:17

Lula tem candidatura impugnada pelo TSE

Partido dos trabalhadores tem dez dias para substituir a candidatura do ex-presidente

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou na madrugada deste sábado (01) a impugnação do pedido de candidatura do ex-presidente Lula. A solicitação foi negada por seis votos a um. Votaram contra o requerimento os ministros Luís Roberto Barroso (relator da ação), Jorge Mussi, Og Fernandes, Admar Gonzaga, Tarcisio Vieira de Carvalho Neto e Rosa Weber, presidente do tribunal. A sessão teve início às 14h30.

Ex-presidente deverá ser substituído para manter partido na disputa presidencial. Foto: Divulgação.

Edson Fachin defendeu a candidatura do ex-presidente. Apesar de reconhecer a lei da ficha limpa, o ministro defendeu a manifestação da Organização das Nações Unidas (ONU). Ele alegou que a declaração da instituição teria força para manter a candidatura de Lula.
Além disso, os ministros decidiram também que Lula não pode fazer campanha como candidato, inclusive na propaganda de rádio e tv. O ex-presidente foi condenado em abril por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá. Ele cumpre pena de doze anos e um mês. A decisão ainda poderá ser questionada em recurso da defesa. O partido dos trabalhadores tem dez dias para substituir a candidatura do petista.
2 comentários


  • TSE SEGUE A CONSTITUIÇÃO DA REDE GLOBO E BARRA A CANDIDATURA DO LULA

    Rede Globo, a maior corruptora do Brasil, a maior sonegadora de impostos do Brasil continua, impunemente, ditando as regras do jogo político.

    Depois do Power point ridículo, do processo fajuto, da condenação sem provas e da prisão injusta, só faltava tornar inelegível o maior presidente que este país já teve.

    O grande acordo feito com a Rede Globo, com a elite, com o judiciário corrupto e politizado para impedir que lula fosse candidato a presidente do Brasil, pois sabem que nas urnas não conseguiriam ganhar do líder político mais querido do povo brasileiro, foi concretizado.

    Lula não será candidato a presidente do Brasil.

    A chapa será Fernando Haddad e Manuela D’ávila.

  • TSE SEGUE A CONSTITUIÇÃO DA REDE GLOBO E BARRA A CANDIDATURA DO LULA

    Rede Globo, a maior corruptora do Brasil, a maior sonegadora de impostos do Brasil continua, impunemente, ditando as regras do jogo político.

    Depois do Power point ridículo, do processo fajuto, da condenação sem provas e da prisão injusta, só faltava tornar inelegível o maior presidente que este país já teve.

    O grande acordo feito com a Rede Globo, com a elite, com o judiciário corrupto e politizado para impedir que lula fosse candidato a presidente do Brasil, pois sabem que nas urnas não conseguem ganhar do líder político mais querido do povo brasileiro, foi concretizado.

    Lula não será candidato a presidente do Brasil.

    A chapa será Fernando Haddad e Manuela D’ávila.