28/08/18 - 15:53

Marcelo Bretas libera Adriana Ancelmo de prisão domiciliar

Esposa de Sérgio Cabral responde por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal Federal do Rio de Janeiro, liberou a ex-primeira dama do estado, Adriana Ancelmo, da prisão domiciliar nesta terça-feira (28). A esposa de Sérgio Cabral poderá sair de casa durante a semana mediante o uso de uma tornozeleira eletrônica. Ela está autorizada ainda a trabalhar e deixar a residência para realizar as atividades.

Adriana responde por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Foto: Reprodução

As condições para a determinação ter validade é que Adriana esteja em casa entre 20h e 6h. Ela não poderá deixar a residência aos fins de semana nem aos feriados. Com a adoção da nova ordem, as medidas cautelares antes adotadas ficam suspensas. Anteriormente, a ex-primeira dama era proibida de ter acesso a internet e o apartamento não tinha linha telefônica.

De acordo com o juiz Marcelo Bretas, as determinações foram suspensas por não haver descumprimento das medidas cautelares. Ele afirmou que o comportamento da presa demonstra cooperação com o andamento do processo. O Superior Tribunal de Justiça (STJ) havia decidido por 3 votos a 1, em fevereiro deste ano, manter Adriana Ancelmo em prisão domiciliar por conta de seus dois filhos.

 

0 comentários