02/08/18 - 14:25

Militar é preso em mega operação contra a milícia da Zona Oeste

Três militares ainda são procurados por envolvimento com o grupo criminoso

O subtenente do exército Marco Antônio Gomes Sacramento foi preso nesta quinta-feira (02) durante a mega operação da Polícia Civil contra a milícia que atua na Zona Oeste do Rio. O objetivo era cumprir 42 mandados de prisão e 90 de busca e apreensão. Até o momento, 6 veículos e duas pistolas foram apreendidas. Além disso, 25 pessoas foram presas. Além dos bairros de Campo grande, Cosmos, Santa Cruz e Paciência, o grupo também atuava no município de Itaguaí, na Região Metropolitana.

Marco Antônio Gomes Sacramento era conhecido como Sub. Foto: Reprodução

As investigações apontam outros três militares ligados à Liga da Justiça, quadrilha comandada por Wellington da Silva Braga, o Ecko. Marco Antônio Gomes foi preso em Campo Grande e já respondeu pelos crimes de milícia e homicídio em Guaratiba, também na Zona Oeste. O subtenente era homem de confiança do Sargento Antônio, lotado no 27º BPM (Santa Cruz). O agentes também é um dos suspeitos de comandar o grupo criminoso em conjunto com Ecko. O ex-soldado da PM Carlos Eduardo Benevides Gomes também é procurado por envolvimento com a milícia. Todos são procurados pela Polícia.

De acordo com a corporação, o Sargento Antônio está de licença médica para tratamento de saúde. De acordo com a PM, existem procedimentos investigatórios sobre a conduta do agente. Marco Antônio era avaliado nas Forças Armadas como exemplar e já atuou em diversas unidades no país.

0 comentários