17/11/18 - 15:34

Ministério Público pede sequestro de bens de ex-procurador de Justiça

Quantia é referente ao valor de propina recebida por ele durante o período em que chefiou a instituição

Foto: Divulgação

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) pediu para que a Justiça torne indisponível e “sequestre” R$ 7,2 milhões em bens do ex-procurador de Justiça, Cláudio Soares Lopes.

A quantia é referente ao valor de propina recebida por Lopes durante o período em que chefiou a instituição, entre março de 2009 a dezembro 2012.  Segundo as investigações, Cláudio Soares Lopes foi cooptado pelo grupo do então governador Sérgio Cabral. O ex-procurador teria recebido, mensalmente, R$ 150 mil para inibir investigações e repassar informações privilegiadas sobre investigações.

Cláudio Lopes foi preso no último dia 8 por determinação do Tribunal de Justiça. O pedido do procurador geral de Justiça em exercício, Ricardo Ribeiro Martins, é de que caso não tenha a quantia nas contas de Cláudio Lopes, o sequestro pode incluir seus móveis e imóveis. Buscas devem ser feitas em cartórios, através da Corregedoria da Justiça do RJ, e no Detran para verificar veículos em seu nome.

0 comentários