15/08/18 - 11:27

Rio de Janeiro

MP denuncia Dr. Bumbum e médico pode pegar até 30 anos de prisão

No mês passado, a bancária Lilian Calixto morreu após passar por um procedimento estético no apartamento de Denis Furtado

O Ministério Público Estadual (MPRJ) denunciou à Justiça, o médico Denis César Barros Furtado, conhecido como ‘Doutor Bumbum’, por homicídio doloso – quando há intenção de matar -. No dia 14 de julho, ele realizou procedimento estético que resultou na morte da bancária Lilian Calixto.

Também foram denunciadas: Maria de Fátima Barros Furtado, mãe do médico, a namorada dele, Renata Fernandes Cirne, e a doméstica Rosilane Pereira da Silva.

A pena prevista é de 12 a 30 anos de prisão.

0 comentários