17/12/16 - 08:49

PM que matou quatro pessoas durante briga na Zona Oeste segue foragido

A Divisão de Homicídios já pediu a prisão temporária do sargento PM reformado Luiz Cláudio Machado Paixão, acusado de matar quatro pessoas na noite de ontem durante uma briga em um bar no Terreirao, Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio. Entre as vítimas estava uma mulher de 31 anos, grávida de 8 meses. Patricia Aparecida Pimenta Rosa foi atingida na nuca e morreu na hora. Ela foi levada para a maternidade Leila Diniz, na Barra da Tijuca, onde passou por uma cesariana de emergência para salvar a criança, que sobreviveu, mas está em estado grave. As outras vítimas foram Francisco Pimenta Rosa e Lutero Barbosa da Silva, que eram vizinhos do criminoso. Já Markeli Maria leite Matheus foi morta durante a fuga do sargento com um tiro a queima roupa no rosto, quando passava pelo local vindo do trabalho. O policia reformado está foragido.

0 comentários