23/01/16 - 10:15

Polícia encontra gotas de sangue na casa onde corpo da menina Micaella foi encontrada

A Divisão de Homicídios da Capital vai ouvir nos próximos dias, representantes do Conselho Tutelar e a diretora da creche que a menina Micaella de 4 anos, encontrada morta dentro de casa em Brás de Pina, estudava. Só então, é que o inquérito deverá ser enviado para a Justiça. O objetivo é descobrir se alguma denúncia havia sido feita ao Conselho Tutelar sobre agressões a menina e se funcionários da creche sabiam das agressões. Ontem, a DH divulgou que na casa onde Micaella foi morta, foram encontradas manchas de sangue em todos os cômodos. Para o delegado André Leiras, que fez a prisão em flagrante de Joelma Souza da Silva, de 43 anos, e Felipe Ramos da Silva, de 30 anos, madrasta e pai da menina, as provas técnicas comprovam que o casal tentou modificar a cena do crime.

0 comentários