16/08/18 - 13:19

Polícia investiga crime de homofobia contra dançarino em Nova Iguaçu

Jovem foi morto a tiros por dois homens em uma moto

A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga se o jovem Mateus Felipe, de 21 anos, morto em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, foi vítima de homofobia. De acordo com a Polícia Civil, o dançarino conversava com amigos na Rua São Simão, no bairro Ponto Chic, quando homens em uma motocicleta atiraram contra ele.

 

Mateus foi morto enquanto conversava com amigos em uma calçada. Foto: Reprodução

Policiais 20º BPM (Mesquita) foram acionados, mas os criminosos conseguiram fugir. A estudante Thaynara Emídio, de 19 anos, amiga da vítima, conta como era conviver com o Mateus e lamenta a perda do amigo.

Testemunhas irão prestar depoimento. Ainda não se sabe o que teria motivado o assassinato do jovem, mas como nenhum objeto foi roubado, uma das linhas de investigação é o crime de homofobia.

0 comentários