12/06/17 - 07:25

Polícia pretende ouvir hoje a médica que negou atendimento a um bebê

A Policia Civil pretende ouvir nesta segunda-feira (12), a médica que recusou atendimento ao menino Breno. Hydée Marques da Silva, 59 anos, está sendo acusada de omissão de socorro.
O menino Breno de um ano e seis meses morreu após passar mal em casa com problemas neurológicos. O Conselho Regional de medicina já abriu sindicância para apurar o caso. A médica é investigada por homicídio culposo, quando não há intenção de cometer o crime.
 
No entanto, ela pode passar a responder por homicídio doloso (quando há a intenção), caso fique aprovado que tinha consciência de que a demora no atendimento da criança poderia resultar em complicações que levassem a morte dele.
0 comentários