27/07/18 - 09:47

Prefeito de Japeri é preso suspeito de associação ao tráfico de drogas

Dois vereadores e uma mulher também foram denunciados

Foto: Reprodução/ Internet

O prefeito de Japeri, Carlos Moraes Costa, foi preso, na manhã desta sexta-feira (27), durante a Operação Senones, realizada pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) e pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF). Ele, junto com o presidente da Câmara, Wesley George de Oliveira, o vereador Claudio José da Silva e Jenifer Aparecida Kaizer de Matos foram denunciados por associação para o tráfico de drogas.

A ação também cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão contra 37 traficantes denunciados por integrarem a mesma facção criminosa que controla a venda de drogas em diversas favelas de Japeri, na Baixada Fluminense.

Uma decisão de Tribunal de Justiça do Rio (TJRJ) suspendeu o exercício da função pública do prefeito e dos dois vereadores. De acordo com a denúncia, os vereadores integravam uma organização criminosa que domina o tráfico de drogas no Complexo do Guandu, em Japeri. Eles também teriam se aproveitado de seus cargos para atuar em favor dos interesses criminosos dos traficantes de drogas.

Eles repassavam informações privilegiadas para os criminosos conseguissem praticar crimes. Eles também teriam fraudado licitações e desviado dinheiro público para favorecer os bandidos. Jenifer Aparecida não ocupa nenhum cargo público, mas era o elo entre os políticos e os traficantes.

0 comentários