16/08/18 - 15:39

Raul Jungmann afirma que a Polícia Federal está fora do caso Marielle

Crime completou 155 dias, e é tratado como sigiloso pela Polícia Civil e pelo Ministério Público

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou em Salvador, nesta quinta-feira (15), que a Polícia Civil do Rio de Janeiro recusou a oferta para que a Polícia Federal assumisse a investigação da morte de Marielle Franco. Jungmann esteve na capital baiana para a 70ª Reunião do Colégio Nacional de Segurança Pública do Brasil.

Crime completou 155 dias nesta quarta-feira (15) Foto: Reprodução Web

O ministro disse que a resposta que obteve da polícia do Rio foi que a ajuda não era necessária. Então, apesar de oferecer a Polícia Federal, que é uma das melhores polícias do mundo em investigação, houve um entendimento do Rio de Janeiro que não era necessário, então nós estamos fora do caso, disse ele. A vereadora Marielle Franco, do PSOL, e o motorista dela, Anderson Gomes, foram assassinados em um atentado, em março deste ano. Nesta quinta-feira, o crime completou 155 dias, e é tratado como sigiloso pela Polícia Civil e pelo Ministério Público.

0 comentários