17/11/18 - 15:48

Submarino argentino é encontrado após um ano e um dia desaparecido

ARA San Juan desapareceu durante uma viagem de Ushuaia ao balneário de Mar del Plato

Foto: Divulgação/ Marinha da Argentina

Após um ano e um dia do desaparecimento do submarino argentino ARA San Juan, no Atlântico Sul, com 44 pessoas a bordo, uma empresa privada norte-americana encontrou os restos da embarcação. O submarino foi encontrado na sexta-feira (16), mas a informação foi confirmada pelo Ministério de Defesa da Argentina na madrugada deste sábado (17), depois de informar aos  familiares dos tripulantes.

A empresa Ocean Infinity encontrou os restos a 800 metros de profundidade e a 600 metros da cidade de Comodoro Rivadavia, na Patagônia argentina. O governo da Argentina terá que decidir se vai resgatar o casco do submarino, pois, somente para encontrar o ARA San Juan, a Ocena Infinity cobrou US$7,5 milhões.

Na última quinta-feira (15), as famílias dos 44 desaparecidos realizaram um ato para marcar o primeiro aniversário do naufrágio e cobrar respostas das autoridades.

Relembre o caso

O submarino ARA San Juan desapareceu durante uma viagem de Ushuaia ao balneário de Mar del Plato, a 300 quilômetros de Buenos Aires. O último contato da tripulação foi feito no dia 15 de novembro de 2017.

Uma megaoperação internacional, que contou com a participação do Brasil, foi montada para realizar buscas pelo submarino. Após duas semanas, a Marinha anunciou que já não havia esperanças de encontrar sobreviventes.

A Ocean Infinity foi contratado pelo governo argentino para continuar as buscas. Durante dois meses, 40 tripulantes, a bordo do navio Seabed Constructor, rastrearam o fundo do mar. O submarino foi encontrado horas antes da empresa suspender a operação.

0 comentários