20/06/18 - 16:49

Milhares de armas são destruídas pelo Exército na Zona Oeste do Rio

Ação faz parte da Operação Vulcão

O Exército destruiu mais de 8540 armas nesta quarta-feira (20) nas dependências do Batalhão de Manutenção e Suprimento de Armas do Exército, em Deodoro, na Zona Oeste do Rio. A ação faz parte das operações conduzidas pelo Gabinete de Intervenção Federal no Rio de Janeiro.

Parte das armas foi apreendida em atividades criminosas, outras entregues voluntariamente e duas mil recolhidas de batalhões da Polícia Militar. Os armamentos recolhidos da corporação estavam obsoletos e sem condições de uso na atividade policial. Durante a cerimônia, o porta-voz do Comando Militar do Leste (CML), Carlos Cinelli, lembrou que a ação faz parte da Operação Vulcão. A ação cumpre acordo de cooperação técnica firmada com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Comando do Exército em novembro do ano passado.

Segundo o porta-voz, uma das prioridades das forças conjuntas é a apreensão de armamentos pesados atualmente em poder dos traficantes. Este ano foram retirados de circulação quase 200 fuzis, tanto pela Polícia Militar quanto pela Polícia Civil. Só na semana passada foram apreendidos quase 10 fuzis, em ações da PM.

0 comentários